Do Marco Zero à periferia: Os territórios e os desafios da retomada

Ecossistema aborda retomada das atividades em evento online

 

Karla Godoy (COO do CESAR), Yves Nogueira (CEO da Tynno/SoftexRecife), Claudio Marinho (Porto Marinho) e Pierre Lucena (Presidente do Porto Digital) foram os participantes da Live do Ecossistema realizada no último dia 8 de julho, que teve como tema “Do Marco Zero à Periferia: Os territórios e os desafios da retomada”. 

 

Pierre Lucena deu início ao debate, explicando sobre a temática discutida: a retomada de atividades presenciais nas empresas e  instituições do segmento que começaram a voltar no dia 20 de julho. Yves Nogueira destacou um desafio que,para ele, ficou claro para o futuro: “Sabemos que a prioridade é manter as pessoas no nosso ambiente, o Porto Digital, com segurança. Há uma questão imobiliária ao redor disso, e vamos fazer o retorno gradativo, talvez com um maior número de inquilinos em ambientes repensados”.

 

Pierre concordou, e viu com esperança um crescimento a longo prazo no desafio de repovoar a área. “Disso pode vir uma grande oportunidade de finalmente projetar e instalar uma área residencial no centro do Recife”, ao que Claudio Marinho adicionou: “Diante de uma crise tão forte como a que estamos passando, prefiro dizer que estamos encarando uma grande oportunidade, de consolidar uma estratégia de ocupação do Porto Digital como parte da cidade.

 

Marinho, originalmente um dos idealizadores da área hoje denominada Porto Digital, então trouxe à tona seus pensamentos sobre as atividades em home office. De acordo com ele, “A hipótese de que vamos conseguir fazer tudo de casa é um mito e há variáveis a serem levadas em conta, como o desenho do lar, em geral inadequado para o trabalho, e o estresse que o modelo leva para os colaboradores. Nossos meios de gestão devem ser adaptados ao mundo híbrido físico/digital”.

 

Karla Godoy, que é diretora do C.E.S.A.R.  acredita que “A primeira coisa que temos que fazer é entender que o digital chegou. Nossa necessidade é de manter um ambiente que faça as pessoas quererem estar no escritório e criar vínculos, contato e alimentar as relações, que são dificilmente criadas na tela do computador. O espaço precisa ser convidativo, que estimule os colaboradores a ir e fortalecer a conexão”.

 

As Lives do Ecossistema são promovidas pelo Softex Recife, Assespro PE, Seprope, Manguez.Al, C.E.S.A.R. e Porto Digital. O arquivo está no Youtube do Porto Digital pelo link .

Confira todos os informativos


Acompanhe nossa agenda de eventos, cursos e palestras!

Agendas de eventos

© SOFTEXRECIFE. Todos os direitos reservados.