Semana das MINAs: Eventos destacam o valor da mulher e da igualdade de gênero no setor de Tecnologia

Abertura da semana aconteceu no auditório do ITBC, no Bairro do Recife, com a presença da vice-governadora Luciana Santos, do presidente do NGPD, Pierre Lucena

Incentivar e revelar o valor da presença da mulher em ambientes corporativos e de negócios na área Tecnologia da Informação e Comunicação (TIC) e Economia Criativa. Foi mirando este objetivo que a Semana das MINAs levou, de 18 a 28 de março, debates, palestras e uma oficina para dentro do ecossistema de TIC do Recife. A ação fez parte do programa MINAs (Mulheres em Inovação, Negócios e Artes) do Porto Digital e contou com o apoio do SoftexRecife e da Sinspire. A abertura da semana aconteceu no auditório do ITBC, no Bairro do Recife, com a presença da vice-governadora Luciana Santos, do presidente do NGPD, Pierre Lucena, e da coordenadora do MINAs, Natália Lacerda.

Responsável pela emenda parlamentar que deu o pontapé ao programa, a vice-governadora Luciana Santos marcou presença no evento e destacou os problemas vivenciados pelas mulheres para garantir participação econômica e oportunidades iguais no mercado de trabalho. “A desigualdade de gênero é muito grande, principalmente no ambiente do trabalho. Somos marcadas por receber salários menores que os dos homens, mesmos exercendo funções iguais. E quando se tratar de alguns setores como o de tecnologia, ainda há uma dominação masculina. Então, essa iniciativa é mais que justa. De fato, precisamos desse impulso e precisamos estimular as empresas a terem uma política de inclusão e de consolidação das mulheres no mercado de trabalho”, colocou.

Pierre Lucena também ratificou a importância de atrair profissionais mulheres para o setor de tecnologia e a necessidade de políticas afirmativas para mantê-las em atividade. Segundo ele, atualmente, a presença feminina em cursos universitários na área de tecnologia é pequena, chegando a 21% nas turmas de Engenharia da Computação, 15% nas de Ciência da Computação e 12% nas de Sistema de Informação na UFPE, este ano. “O baixo percentual de mulheres trabalhando em ambientes de tecnologia é um problema mundial. No Brasil, há uma dificuldade na base de atrair mulheres para o ambiente universitário de tecnologia. Esse é um problema que o mercado não está resolvendo sozinho. É preciso uma ação de política afirmativa. Por isso, surgiu esse programa que vai avançar significativamente”, pontuou o presidente do NGPD.

A abertura do evento ainda contou com um debate sobre a Política de Diversidade e Equidade nas Empresas. Dele, participaram a coordenadora do MINAs, Natália Lacerda; que atuou como moderadora; e as painelistas Juliana Carvalho (do projeto Mulheres de TI Recife), Thaís Freitas e Rosa Mendes (da ThoughtWorks). Juliana Carvalho falou sobre as ações para tornar ambientes de trabalho mais seguros para o público feminino e da criação de uma cartilha de boas práticas para essa finalidade. Já Thaís Freitas e Rosa Mendes apresentaram a experiência da empresa que é conhecida como um exemplo na área de diversidade de gênero.

Semana das MINAs – A programação da Semana das MINAs seguiu intensa, com mais painéis, debates e oficinas. No dia 19 de março, o tema “Além da Tecnologia: Trajetórias e perspectivas femininas” foi foco de três painéis realizados na SinsPire Arsenal. Participaram do evento: Marcela Valença (Porto Digital); Soraya Barreto (UFPE), Flávia Brito (BidWeb Security e integrante do LIDE Mulheres) e Taísa Oliveira (Rede de Cybeativistas Negras). Nos dias 25 e 26 de março, houve a Oficina Miga, sua LOUCa, no Apolo 235. Já em 28 de março, aconteceu exibição de curtas-metragem, roda de conversa e show musical. Tudo no Apolo 235, no Bairro do Recife

Confira todos os informativos


Acompanhe nossa agenda de eventos, cursos e palestras!

Agendas de eventos

© SOFTEXRECIFE. Todos os direitos reservados.